Ladylike style do Atelier Versace

ISTITUTO DI MODA BURGO

BLOG

O desfile de alta costura do Atelier Versace 2017 quebrou um pouco de suas tradições. Donatella Versace tem o estilo sexy como marca registrada em suas coleções e no DNA de sua marca. Mas, de tempos em tempos, ela dá uma desacelerada no seu ritmo e diminui essa pegada sensual. 

Essa temporada foi uma delas, mas segundo a própria Donatella, foi uma das coleções mais ladylike criadas por ela, trazendo "a elegância, sofisticação e drama da mulher de hoje" . A coleção está recheada de maxi casacos, drapeados, várias camadas de fitas simulando caudas de vestidos elegantes. Mas é claro que fendas e grandes decotes apareceram pontualmente em alguns looks mais ousados, garantindo a marca registrada, só que mais de leve.

O casting foi como sempre super estrelado, com as tops Gigi Hadid, Irina Shayk, Taylor Hill e Karen Elson.

Confira nossa seleção dos looks mais desejados!


A maxi casaco traz uma elegância ímpar com o combo de drapeados e mix de cores sofisticadas. Sexy side bem de leve com a fenda.


O lilás vem com tudo nas próximas estações e aqui ficou incrível combinado com o tom de vinho. Comprimento curto, porém no geral, o conjunto está super ladylike. Notam?


O trabalho dos dreapeados + o mix de cores (preto e lilás, match ousado porém maravilhoso) + a fluidez da cauda = combo perfeito!


Nunca pensei que fitas em cetim de duas cores na cintura ficariam tão elegantes! Amei!


Curtinho nada básico: encantada com o trabalho diferenciado dos drapeados e com a cartela de cores incrível desse vestido.


Black dress pra ninguém botar defeito. O drapeado transforma a cintura, o decote é mega elegante e a fenda traz o sexy appeal na medida. Um dos vestidos favoritos da crítica desse desfile!


Mais fitas de forma irreverente, que entrelaçadas conferem o movimento e originalidade. Nem dá pra notar que tem uma mega fenda pois as fitas chamam totalmente a atenção, criando harmonia.


Aqui mais é mais: mega decote, mega fenda, muito brilho, porque Donata não é de ferro, não é mesmo? Percebam também a importância do casaco nesse look. Ele confere elegância e estilo, e cobre o necessário para não ficar too much.


Leveza e fluidez: o movimento criado com a cauda em tecido brilhoso e parte do vestido em paetês, num degradê de nude ao lilás é incrível!


Mais uma fenda que se camufla no movimento do vestido, com as fitas assimétricas!


Franjas e paetês = muito amor


Transparência na medida com esse pretinho brilhante e cheio de movimento com as fitas em assimetria.


O que você achou dessa pegada mais elegante e menos sexy da label? Aprovada?