A alta-costura clássica da Dior

ISTITUTO DI MODA BURGO

BLOG

Com a saída de Raf Simons da Dior, o desfile de alta-costura 2017 foi feita pelos estilistas interinos Lucie Meier e Serge Ruffieux, que assumiram até que a estilista Maria Grazia Chiuri não inicie na maison. O ponto de partida da dupla para iniciar a coleção são o combo de sucesso: paletó Bar (que é bem acinturado e off white) e a saia midi preta, super volumosa. Esse look clássico fez a maison se tornar mundialmente conhecida e referência no ramo.

A coleção é num geral bem mais casual do que o normal, não tem grandes pontos fortes de destaque, e não foi tão bem aceita pela crítica. Mas é digna de PFW e desfile de alta costura, sim! Uma coleção mais easy, moderna e ainda assim, ultra elegante. Que você se imagina saindo com qualquer um dos looks! O black and white dominaram a passarela, com toques de off white e brilhos com os bordados, que foram destaque da coleção.

Vejam só os principais looks:

A camisa com estrutura over está na grande tendência pras próximas estações, e a calça com barra flare plissada é um ícone de estilo e originalidade. Ponto pra eles!

O ombro à ombro é outra forte tendência e o movimento mais armado do vestido confere muita elegância.

Bordados divinos nas peças desses looks!

Vestido super longo e todo no print em P&B, ultra elegante.

Mais bordados incríveis em diversas peças e looks. Esse último vestido ganhou meu coração! Em qual celeb ele estará nos red carpets futuros?

Plissado de forma super diferente e perfeita, dando movimento ao vestido.

Meu favorito dentre os looks com saia. Essa dispensa comentários!


Particularmente eu amei essa coleção mas estou mega ansiosa pela próxima no comando da Maria!